Total de visualizações de página

sexta-feira, 26 de setembro de 2008

Como nasceu nosso Logotipo para a internet

No final de 2007, a Direção da Unidade pensou em criar algo que simbolizasse a escola. A professora Maria Lucia Vedovello. compartilhando da mesma idéia, fez uma vivência com alunos de duas classes de 2º estágio e dos desenhos elaborados pelas crianças, foi escolhido o que mais se assemelhava ao pensamento de ambas.O desenho foi levado ao Designer Paulo Cacavallo que desenvolveu então o logotipo com as seguintes características:1) Por se tratar de Escola de Educação Infantil e possuir uma grande área verde, a muda de árvore se tornou o símbolo da escola- uma pequena planta que, como uma criança, é frágil e encontra-se em fase de crescimento- apresenta uma única folha que representa a primeira etapa escolar na vida da criança- a folha é grande e vigorosa, indicando a qualidade do ensino- uma ponta no tronco indica que novas folhas estão por vir, assim como outras etapas na vida dos alunos2) A escolha do tipo de letra procura transmitir a seriedade que um estabelecimento de ensino deve possuir - a fonte "Poor Richard" atende a essa proposta e é de fácil leitura e identificação por parte das crianças3) A aplicação de bonecos torna o logotipo focado na criança. temos:- um menino e uma menina convivendo em harmonia entre si e o meio ambiente- o desenho dos bonecos possui traços simples, baseados em formas geométricas simples como círculo, quadrado, triângulo e retas, para rápida identificação pelos alunos- procura fazer uma alusão ao estilo de desenho produzido pelos alunos na faixa etária atendida pela escola. 4) A cor sugerida remete à natureza a ao verde que a escola possui.


Autoria: Professora Maria Lucia Vedovello e Paulo Cacavallo .


Mas a Professora Maria Lucia não se deu por satisfeita e confeccionou nosso Logotipo em 3 dimensões. Os bonecos "Gui" e "Lô" serão cuidados por todos os grupos/classe de nossa Escola.
Nasceu assim, mais um objeto de afeto!

domingo, 21 de setembro de 2008

NOSSA SALA DE LEITURA


O ATO DE CONTAR HISTÓRIAS É MUITO ANTIGO. O CONTADOR DE HISTÓRIAS ERA SEMPRE ALGUÉM MAIS VELHO, MAIS EXPERIENTE( PAIS, AVÓS, TIOS EMPREGADAS, ETC.).
ERA UM MOMENTO INFORMAL NO HORÁRIO EM QUE A FAMÍLIA SE REUNIA.


A ESCOLHA DA HISTÓRIA ERA FEITA DE FORMA ESPONTÂNEA, TUDO MUITO NATURAL.
ÀS VEZES AS HISTÓRIAS ERAM LIDAS, OUTRAS CONTADAS( CAUSOS), MAS SEMPRE UM MOMENTO MÁGICO, HUMANO E CARREGADO DE SIGNIFICADO.
AINDA HOJE, O PRIMEIRO CONTATO DA CRIANÇA COM A HISTÓRIA, ACONTECE DE FORMA ORAL. DESDE PEQUENINA, OUVE HISTÓRIAS PELA VOZ DA MÃE. NESSE MOMENTO, MAGICAMENTE,DEIXA AFLORAR SENTIMENTOS TÃO IMPORTANTES COMO O MEDO, ALEGRIA, TRISTEZA, RAIVA OU INSEGURANÇA.


É OUVINDO HISTÓRIAS QUE CONSEGUE ELABORAR SEUS CONFLITOS, INTERNOS TORNANDO- SE MAIS SEGURA, AUTONOMA E FELIZ.
ATUALMENTE, AS FAMÍLIAS ESTÃO CADA VEZ MAIS SEM TEMPO PARA ESSES ENCONTROS E ESSA CARÊNCIA AFASTA A CRIANÇA DOS LIVROS E DOS FAMILIARES, POIS O VALOR DA CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS , ESTÁ NO ACONCHEGO, NO CALOR HUMANO DESTE INSTANTE.


O COMPROMISSO DA ESCOLA DE EDUCAÇÃO INFANTIL É AUXILIAR AS FAMÍLIAS OFERECENDO AOS ALUNOS INÚMERAS OPORTUNIDADES PARA INTERAGIREM , COM TODO TIPO DE HISTÓRIAS, ARGUMENTANDO, QUESTIONANDO E DESCOBRINDO NOVOS CAMINHOS.


NA EMEI GUIA LOPES, CONTAMOS COM UM ESPAÇO PRIVILEGIADO: NOSSA SALA DE LEITURA, ONDE OS NOSSOS ALUNOS FOLHEIAM DIFERENTES LIVROS, ENTRAM EM CONTATO COM MUITAS HISTÓRIAS.EXPRESSANDO SEUS SENTIMENTOS OPINANDO E ARGUMENTANDO COM TOTAL LIBERDADE., A DIREÇÃO DE NOSSA ESCOLA ESTÁ DE PARABÉNS POR MAIS ESTA INICIATIVA QUE SÓ CONTRIBUI PARA MELHORAR, AINDA MAIS, O TRABALHO DOS PROFESSORES POIS, NOSSO MAIOR OBJETIVO, É UM ENSINO DE QUALIDADE.
PROFESSORA LUIZA

HORTA, UMA LIÇÃO DE VIDA



No início de 2009 nossas crianças visitaram a Horta e tiveram uma surpresa.
Nosso Espantalho Tetelo tinha sumido!
"Ele foi procurar sua paixão", foi a hipótese que ganhou mais votos.
Muito preocupadas, as crianças escreveram cartas, telegramas e confeccionaram vários cartazes.

Colamos todo o material em frente à Escola e esperamos o resultado. Recebemos muitas mensagens sobre a "aparição" de Tetelo durante à noite, mas nada de concreto.





Levantamos todas as hipóteses que justificariam o sumiço do nosso Espantalho e concluímos que ele estava triste. Nossa horta estava sem "plantinhas" e a terra estava muito seca, sem cuidado.
Resolvemos colocar a mão na massa e recuperá-la. Confeccionamos uma placa de identificação e começamos a cuidar da terra.

Num belo dia, recebemos uma carta. Tetelo dizia que estava na casa dos pais,em Hortolândia, e que viria nos fazer uma visita.

Pesquisamos a localização da cidade, os costumes e as diferenças entre uma cidade do interior e a nossa cidade.

Descobrimos, depois de muito trabalho, que ele tinha uma Certidão de Nascimento e aprendemos muito mais sobre nosso Espantalho.



Ele voltou e trouxe sua amiga que, por unanimidade, tornou-se sua namorada.
Seja bem vinda, Tetela!

Colocamos um juntinho do outro e preparamos uma linda Festa com tudo que o Tetelo e a Tetela merecem!
Cantamos, decoramos a Horta e comemos muito!

Prometemos que cuidaríamos muito bem da Horta.

Inventamos muitas receitas: Bolo de Rabanete com Calda de Chocolate; Bolo de Beterraba com Chocolate Branca, Patê de Acelga com Coentro, Omelete com Rúcula, Patê de Queijo com Cheiro Verde, Tuti Salada...



Acreditem, tudo ficou delicioso!!!



Como será que acaba esta história?

Participem da enquete em nossa Comunidade:

http:/http://www.orkut.com.br/Community.aspx?cmm=43891756





sábado, 20 de setembro de 2008



Comemoração dos 87 anos do Bairro do Limão!Pesquisamos na internet e descobrimos que essa região era cheia de sítios e chácaras que pertenciam aos moradores da Freguesia do Ó.



Após os esclarecimentos, continuamos a história: "Na divisa dos sítios e a Freguesia do Ó, havia um pé de Limão Bravo, e sempre que alguém precisava chegar nesses sítios, as pessoas respondiam que ficavam lá onde tinha o pé de limão bravo, daí o nome Bairro do Limão!"
Foi um a troca bastante rica!!! Os alunos observaram o contexto histórico: modo de vida, segurança, transportes, comunicação, a não poluição e etc...


E para comemorar, uma deliciosa Limonada.

VIVA O BAIRRO DO LIMÃO!

Professoras Laís, Claudia e Maria Lúcia

3º e 2º estágios

EMEI Guia Lopes

BUMBA MEU BOI


Trabalhei com o grupo as lendas folclóricas, as características dos
personagens, brincadeiras e canções. Nesta foto, vemos a confecção do boi (alusão à lenda do BUMBA MEU BOI)







Dramatização da Música: " Boi Barroso" do folclore gaúcho.
As crianças dramatizam a canção.
"Eu mandei fazer um laço do couro do jacaré
Pra laçar meu Boi Barroso de um cavalo pangaré
Meu Boi Barroso, meu Boi Pitanga, o seu lugar é lá na Canga"






Que momento mágico !!!!!
A professora orgulhosa posa para a foto.
PARABÉNS, TURMINHA!!!!!!!
Professora Luiza
2º Estágio
EMEI Guia Lopes

domingo, 14 de setembro de 2008

Dia da Família na Escola




Geralmente o Dia da Família na Escola acontece num sábado. Nós organizamos várias atividades para este momento e, desta vez, utilizamos o material de nossa Ludoteca. Foi uma alegria só!






Nossa Sala de Leitura

Entendemos leitura como um dos caminhos de inserção no mundo e de satisfação de necessidades amplas do ser humano.
Considerando que o gosto pela leitura se constrói através de um longo processo onde sujeitos desejam encontrar nela uma possibilidade de interlocução com o mundo, espera-se que o professor seja um agente fundamental na mediação entre alunos e material, um impulsionador e guia no sentido de um contato cada vez mais intenso e desafiador entre o leitor e a obra a ser “lida”.Ouvir histórias é o início da aprendizagem para ser um leitor. É ainda "suscitar o imaginário, é ter a curiosidade respondida, é encontrar outras idéias para solucionar questões. É a cada vez ir se identificando com outra personagem (...) e assim, esclarecer melhor as próprias dificuldades ou encontrar um caminho para a resolução delas..." (ABRAMOVICH,1989: 17) Indo além, ...”diria que ouvir histórias é viver, viver emoções diferentes como alegria, tristeza, medo, insegurança, tranqüilidade. É ouvir, sentir e enxergar com os olhos do imaginário...” Texto de Renata Junqueira de Souza - Docente do Departamento de Educação da FCT de Presidente Prudente (http://proex.reitoria.unesp.br)A criação de uma Sala de Leitura na EMEI Guia Lopes tem por objetivo despertar o prazer pela leitura e estimular atitudes leitoras em nossas crianças.Ao contrário da concepção conhecida de que uma “Biblioteca” deva ser um lugar de silêncio e pesquisa, em nossa Escola, a sala de leitura será um espaço de interação, descoberta e fantasia.Aguardem mais novidades!







Horta - Uma Lição de Vida - A volta do nosso Espantalho Tetelo

Foi uma alegria só! As crianças vibraram com a notícia que no dia 14/05/2008 ele nos faria uma visita e junto traria uma amiga para não se sentir mais sozinho. A idéia que mais agradou as crianças e nossa Comunidade era a de que ele tinha ido procurar sua paixão e não é que todos estavam certos? Tetelo conheceu uma menina muito linda!Todas as crianças quiseram responder a sua carta prometendo cuidar muito bem dele, de sua amiga e da Horta.Novamente a grande diversão foi colar as respostas no portão do estacionamento da escola. Só assim o Tetelo poderia ler.Mas responder a carta era muito pouco para nossas crianças. Na roda da conversa, chegaram à conclusão de que era preciso comemorar a visita do Tetelo com uma festa.Pronto! Mais um desafio!Organizar a festa, confeccionar o convite, arrumar a horta.....e mais alguns dias de trabalho.Mas...nem tudo que programamos na vida dá certo, não é verdade?No dia 14/05/2008, na parte da manhã, a escola recebeu um telefonema. Era o Tetelo explicando que não poderia vir hoje.Segundo ele, choveu muito no lugar em que está morando e ele não quis estragar a roupa nova que comprou para a festa de amanhã.Então....só nos resta esperar pelo grande dia......
Nossa Brinquedoteca nasceu de um sonho.O sonho que tínhamos em oferecer um espaço diferenciado para nossas crianças. Juntaram-se a este sonho algumas doações feitas por pessoas muito especiais. Foram chegando armários e caixas, que a primeira vista nos assustaram: “Meu Deus, quanta coisa!”
Os dias foram passando e as idéias foram surgindo: "Isto bem que poderia ser um armário para as fantasias, não?"; "E se cortássemos os móveis para fazer um "L" e guardar os brinquedos?"; "Se virarmos a caixa, poderíamos montar uma bancada de marcenaria e pendurar as ferramentas!"; "E se virarmos mais uma vez a caixa, podemos ter uma penteadeira!". Foi assim que as caixas e armários foram ganhando forma. Foram pintados e tudo parecia novinho em folha.
Mas queríamos mais...Todas as artistas da escola foram chamadas e escolhemos os desenhos mais lindos para serem pintados nas paredes.
Com muito cuidado e capricho, os desenhos escolhidos foram traçados. Com amor, foram pintados e em pouco tempo alegraram ainda mais um de nossos sonhos: A Brinquedoteca da EMEI GUIA LOPES!.
Arrumamos as Fantasias de bichos e roupinhas de Festa,
Um armário cheinho de surpresas,
Bancada de Marcenaria e o Cantinho dos Bichinhos,
Fantasias de Princesas, Príncipes, Mágicos, Piratas, Branca de Neve,
O quarto e o Banheiro do Bebê,
Lavanderia,
Copa e Cozinha,
Bonecas, mais bonecas e mais bonecas,
Carrinhos, mais carrinhos e mais carrinhos,
Cabeleireiro, Barbearia e
Um consultório Médico que faz um grande sucesso!
Um lugar como este não poderia ficar sem uma inauguração, certo?
Alguns personagens recepcionaram nossas crianças: a bruxinha boa da parede e a boneca bailarina ganharam vida e o encantamento foi total.
Convidamos vocês a conhecerem este espaço que, em breve, ganhará uma área externa.
Nossos álbuns de fotos ( volumes I, II e III) estão em páginas do orkut e nossa comunidade também, caso queiram conhecer melhor o nosso trabalho. Basta digitar EMEI Guia Lopes na pesquisa e....SEJAM BEM-VINDOS!!!!
Um grande abraço a todos que acreditam que uma brinquedoteca pode enriquecer o trabalho pedagógico e revelar características de nossas crianças, que antes, nossos olhos não podiam ver.
Esperamos por vocês!